Blog

Eu caminho para dentro e para fora de muitos mundos.

Em minha mente há muitas moradas.

Cada uma destas moradas criamos nós mesmos – a morada da raiva, a morada do desespero, a morada da auto-piedade, a morada da indiferença, a morada do negativo, a morada do positivo, a morada da esperança, a morada da alegria, a morada da paz, a morada do entusiasmo, a morada da cooperação, a morada da doação.
Cada uma dessas moradas visitamos todos os dias.

Podemos permanecer em cada uma delas o tempo que quisermos.

Podemos abandonar cada uma dessas moradas mentais no momento que desejarmos. Nós criamos a casa, nós ficamos na casa, nós saímos da casa quando bem quisermos.

Podemos criar novos aposentos, novas casas. Quando entramos nestas moradas elas tornam-se nosso mundo até que a deixemos por outra.

Grande Espírito, ninguém pode determinar a morada que devo escolher entrar.
Ninguém tem o poder para isso, a não ser eu mesma.

Permita-me que hoje eu escolha sabiamente.” Texto Joy Harjo Escritora da Etnia Cherokee

Irmãs, as últimas semanas foram intensas , escolhi redimensionar as ações, conteúdos, formas .

Senti forte o quanto o meu servir através da Yoni das Pretas é sobre ciclicidade e Sexualidade mas também sobre dever ANCESTRAL!

Quero muito e cada vez mais construir os conteúdos e a forma com vocês .
Estou com agenda lotada para atendimento individual.

Mas vou iniciar um novo grupo de trocas na próxima lua no nova e quero muito convida Las para essa experiência de cura e troca!

Se você sentir o chamado me mande um email para yonidaspretas@gmail.com

Em minha Mente há várias Moradas